SBE Notícias

Citation
SBE Notícias

Material Information

Title:
SBE Notícias
Series Title:
SBE Notícias
Alternate Title:
SBE Notícias: Boletím Eletrônico da Sociedade Brasileira de Espeleologia
Publisher:
Sociedade Brasileira de Espeleologia
Publication Date:
Language:
Portuguese

Subjects

Genre:
serial ( sobekcm )

Notes

General Note:
Termina o 5 oEncontro Mineiro de Espeleologia - GPE/UEPB recebe espeleólogo francês - Fotógrafo registra o PARNA Peruaçú - Eventos movimentam a espeleologia latinoamericana - Folhinha divulga a aventura em cavernas - Cavernas na Lua são profundas - Foto do Leitor: Gruta da Tapagem/Caverna do Diabo (SP-2).
Restriction:
Open Access - Permission by Publisher
Original Version:
Vol. 5, no. 161 (2010)
General Note:
See Extended description for more information.

Record Information

Source Institution:
University of South Florida Library
Holding Location:
University of South Florida
Rights Management:
All applicable rights reserved by the source institution and holding location.
Resource Identifier:
K26-03542 ( USFLDC DOI )
k26.3542 ( USFLDC Handle )
8796 ( karstportal - original NodeID )
1809-3213 ( ISSN )

USFLDC Membership

Aggregations:
Added automatically
Karst Information Portal

Postcard Information

Format:
serial

Downloads

This item has the following downloads:


Full Text
Description
Termina o 5
oEncontro Mineiro de Espeleologia GPE/UEPB recebe
espelelogo francs Fotgrafo registra o PARNA Perua -
Eventos movimentam a espeleologia latinoamericana Folhinha
divulga a aventura em cavernas Cavernas na Lua so profundas
- Foto do Leitor: Gruta da Tapagem/Caverna do Diabo
(SP-2).



PAGE 1

SBE SBE ISSN 1809-3213 R SBE SBE c s N o t i a c s N o t i a c s N o t i a c s N o t i a Boletm Eletrnico da Sociedade Br asileir a de Espeleologia 1 t s N o c ia t s N o c ia Ano 5 N 161 21/07/2010 Por Ronaldo Lucrecio Sarmento (SBE 0572) GRUCA V (SBE G1 18) T erminou no dia 12 de julho, em Januria MG, o 5 Encontr o Mineir o de Espeleologia (5 EMESPE). O evento contou com a participao uma centena de inscri-tos de todo o estado e de outras r egies. F oram cinco mini-cursos terico -prticos, visitas tcnicas, mesa-r edonda, oficina interativa e muita confraternizao. A interao entr e os mais de doze grupos de espeleologia, r go governaAs cavernas da regio so um espetculo a p arte GPE/UEPB RECEBE ESPELE"LOGO FRANCS Por Juvandi de Souza (SBE 1228) GPE/UEPB (SBE G1 13) O espelelogo francs Mar cus Barboza, do grupo de espeleologia T err e et Eau (T erra e gua), de BoisColombes, r egio de P aris, esteve r ecentemente na P araba e, em conjunto com membr os do Grupo P araba de Espeleologia (GPE/UEPB) e da Sociedade P araibana de Ar queologia (SP A), pr ojeto de Extenso do P r of Dr Juvandi Santos, visitou vrias cavidades naturais existentes no agr este paraibano, especialmente a caverna grantica denominada de L oca (que tambm um cemitrio indgena Cariri), em Quei-madas e o complex o ar queolgico do Riacho da P intada, no municpio de Natuba, composto por cinco stios ar queolgicos (P intada I, II, III, IV e V), todos em abrigos sob r ocha. A experincia vivenciada por Barbosa ser compartilhada com os membr os do seu grupo na F rana e, segundo o espelelogo “a visita P araba com o GPE/UEPB e a SP A foi nica, inigualvel, por que pr opor cionou conhecer cavidades naturais, mui08 a 12 de julho de 2010 R R e a l i z a o O r g a n i z a o A p o i o tas delas com figuras rupestr es de rara beleza e/ou materiais ar queolgicos poucos comuns na Eur opa”. O inter cmbio ser completo em outubr o, quando o pr of Dr Juvandi Santos ir a F rana para r ealizar uma palestra e visitar gr otas nas r egies da Dor donha e Carnac. A atividade parte da T ese de PsDoutoramento do P r of Juvandi, que estuda a existncia de um pr ovvel padro de enterramento entr e os indgenas Cariris, buscando, semelhanas com os sepulta-mentos P r-Histricos da Eur opa. TERMINA O 5 ENCONTRO MINEIRO DE ESPELEOLOGIA mentais como o CECA V IEF e P r efeituras locais, alm de ONGs e instituies de ensino da r egio, r esultou em discusses intensas e na apr ovao de uma dezena de moes, alm da apr o ximao institucional e compr ometimento com o desenvolvimento do turismo sustentvel e a conser vao das cavernas. O prximo evento r egional ser o 5 Encontr o Norte Mineir o de Espeleologia (5 ENME), or ganizado pelo Espeleo Grupo Moc (SBE G120) em janeir o de 2011 nas cidades de Diamantina e Monjolos/MG. Alm disso, mem-br os do Guano Speleo UFMG (SBE G075) e do Grupo Bambu de P esquisas Espeleolgicas (SBE G007) manifestaram o inter esse em r ealizar o prximo Encontr o Mineir o, em Janeir o de 2012, na r egio de Belo Horizonte. Aguar dem novidades! Agradecemos ao Instituto F ederal Norte de Minas Gerais pelas instalaes que abrigaram o encontr o e a todos os participantes do evento. De 12 a 17 de julho o fotgrafo Mar celo Andr esteve no P ar que Nacional Cavernas do P erua e fez o r egistr o fotogrfico O par que foi criado em 1999 com uma r ea de 56.800 ha e objetivo de pr oteger o valioso patrimnio geolgico e ar queolgico com mais de 140 cavernas e 80 stios ar queolgicos catalogados, alm de uma amostra r epr esentativa da flora e fauna de transio entr e cerrado e caatinga. V eja as fotos em mar celoandr e.com FOTOGRAFO REGISTRA O PARNA PERUA L e o G i u n c o Stio arqueolgico Pint ada V Natuba PB Inscries rupestres marcam o Perua

PAGE 2

2 t s N o c ia t s N o c ia A F olhinha, caderno juvenil do Jornal F olha, visitou duas das cavernas do P etar (P ar que Estadual T urstico do Alto Ribeira), em Iporanga (a 330 km de So P aulo) e divulgou uma srie de r eportagens sobr e a aventura em cavernas F oram cinco matrias divulgadas na pgina da r evista dia 17 de julho, incluindo ar quivos multi-mdia, dando dinamismo e atraindo o pblico mais jovem. Em um dos textos a folha entr evistou o espelelogo Clayton Lino (SBE 0029) que contou um pouco de seu comeo na espeleologia. Em outra matria h um ar quivo de audio com a apr esentao feita pelo monitor ambiental Jurandir dos Santos momentos antes de entrar na caverna de Santana. A parte inte-rativa ficou por conta de uma caverna virtu-al cheia de informaes. Clique abaix o para conferir as matrias: V iaje pelo interior de uma caverna com a arte interativa FOLHINHA DIVULGA A AVENTURA EM CAVERNAS Especialista em cavernas d dicas aos e xplorador es V isita a cavernas misto de aventura e aula prtica de cincias e biologia Animais que vivem nas cavernas so cegos; leia mais curiosidades Conhea 12 cavernas em que h visitas para pequenos e grandes espelelogos Fonte: Folha 17/07/2010 O satlite L unar R econnaissance Orbiter (LRO), da Nasa, est enviando para T erra imagens de cavernas lunar es com centenas de metr os de pr ofundidade, e os cientistas esto ansiosos para explor-las. "Elas podem ser entradas para um pas das maravilhas geolgico", disse, em nota, o principal pesquisador ligado cmera da LRO Mark R obinson, da Universidade do Arizona. "Acr editamos que esses buracos gigantes so claraboias que se formaram quando o teto de tubos de lava subterrne-os desmor onou". A sonda japonesa K aguya j havia fotografado cavernas enormes em 2009 (vide ). Agora, a potente cmera da LRO que conseguiu, entr e outr os feitos, localizar os objetos deixados na La pelos astr onautas do pr ograma Apollo pr oduziu imagens de alta r esoluo das cavernas e arr edor es. Antes da chegada dos primeir os astr onautas L ua, pesquisador es j teorizavam sobr e a existncia de cavernas, uma r ede de tneis que seria uma r elquia deixada por rios de lava derr etida, sob a superfcie. A teoria baseava-se em fotografias feitas do espao que r evelaram faixas estr eitas per corr endo as plancies, ou mar es, da L ua. Cientistas pr esumiram que essas faixas seriam os sinais, na superfcie, da pr esena de tneis abaix o, escavados por lava h bilhes de anos. SBE Notcias n145 EVENTOS MOVIMENTAM A ESPELEOLOGIA LATINOAMERICANA A espeleologia latinoamericana movimentada com congr essos e simpsios nacionais, alm clar o, do 6 Congr esso da F ederao Espeleolgica da Amrica Latina e Caribe a se r ealizar em agosto prximo na cidade de Matanzas, em Cuba. Clique nos logos para detalhes: " emocionante agora confirmarmos essa ideia", disse R obinson. "As fotos da K aguya e da LRO pr ovam que essas cavernas so claraboias para os tneis, ento sabemos que os tneis se mantm intactos, ao menos em alguns tr echos, h bilhes de anos". T ubos de lava se formam quando, ao fluir de um vulco, uma camada de lava mais prxima superfcie esfria e endur ece, enquanto que a camada mais abaix o continua a fluir num canal tubular A lava enrijecida acima isola que est mais abaix o, ajudando -a a manter o calor e o estado lquido. Na T erra, tubos de lava podem variar de um mer o cilindr o a complex os labirintos com quilmetr os de extenso. No futur o, os tubos descobertos na L ua, alm de ofer ecer pr eciosas informaes geolgicas, podero ajudar astr onautas a se pr oteger de meteoritos e da radiao Fonte: Est ado 13/07/2010 CAVERNAS NA LUA SO PROFUNDAS caverna na regio lunar de Mare Ingenii N A S A / G o d d a r d / A S U Caverna virtual confere interatividade e informao E d i t o r i a d e A r t e / F o l h a p r e s s Cuba, Mat anzas, 04 a 08/08/2010 Mxico, Puebla, 04 a 07/02/201 1 Simpsio de ambientes cavernarios Argentina, Neuqun, 02 a 06/05/201 1 Uruguai, Arequit a, 25 a 26/09/2010

PAGE 3

3 sbe@sbe.com.br : www .sbe.com.br SBE Notcias Comisso Editorial uma publicao eletrnica da SBE-Sociedade Brasileira de Espeleologia T elefone/fax. (19) 3296-5421 Contato: Marcelo A. R asteiro e Delci K.Ishida T odas as edies esto disponveis em A reproduo deste permitida, desde que citada a fonte. Antes de imprimir pense na suaresponsabilidadecom o meioambiente Apoio: V i s i t e C a m p i n a s e c o n h e a a B i b l i o t e c a G u y C h r i s t i a n C o l l e t S e d e d a S B E Filie-se SBE S o c i e d a d e B r a s i l e i r a d e E s p e l e o l o g i a C l i q u e a q u i p a r a s a b e r c o m o s e t o r n a r s c i o d a S B E T e l ( 1 9 ) 3 2 9 6 5 4 2 1 Filiada t s N o c ia t s N o c ia R Unio Internacional de Espeleologia FEALC-Federao Espeleolgica da Amrica Latina e Caribe C A M P I N A S P R I M E I R O O S Q U E M A I S P R E C I S A M P R E F E I T U R A M U N I C I P A L D E VENHA P ARA O MUNDO DAS CA VERNAS VENHA P ARA O MUNDO DAS CA VERNAS J t se ambientando... Data: 05/2010 Autor: T iago Bichler Gruta da T apagem (SP -2 Caverna do Diabo) P rojeo Horizontal: 6.237 m Desnvel: 175 m. P arque Estadual da Caverna do Diabo (PECD), Eldorado SP Com apenas 2 meses, Helosa Bergo de Souza, filha dos scios R en de Souza (SBE 0562) e F ernanda C. L. Bergo (SBE 1645) j teve sua primeira cavernada. Bem vinda Hel!!! Man de sua f oto com n ome data e local par a: sbe@sbe .com.br As edies i m p r e s s a s esto disponveis para consulta na Biblioteca da SBE Os arquivos eletrnicos podem ser solicitados via e-mail. N ovas Aquisies Boletim Tcnico da F undao Casa da Cultura de Marab N4, FCCM: 2009. Boletim Spelunca N117, Fdr ti on F ranise de Splologie: JanMar/2010. Boletim eletrnico EspeleoAr N2, Unin Argentina de Espeleologa: Jun/2010. R evista Horizonte Geografico N129, Editora Horizonte: Jun/2010. Gostou do SBE Notcias? Ento junte-se a ns Coloque sua mar ca aqui O boletim enviado a mais de 5.000 contatos no Brasil e exterior um pblico seleto que vai pr estigiar sua mar ca. Informaes: (19) 3296-5421 ou sbe@sbe.com.br 22 a 25/07/2010 2 Simpsio Sul-Brasileiro de Espeleologia UEPG Pont a Grossa PR www .sbe.com.br/2ssbe.asp 21 a 24/07/201 1 31 CBE Congresso Brasileiro de Espeleologia UEPG Pont a Grossa PR www .sbe.com.br/31cbe.asp 04 a 08/08/2010 6 Congresso de Espeleologia da Amrica Latina e Caribe Mat anzas. Cuba www .atenas.inf.cu I n f o r m e P u b l i c i t r i o T i a g o B i c h l e r


printinsert_linkshareget_appmore_horiz

Download Options

close
Choose Size
Choose file type
Cite this item close

APA

Cras ut cursus ante, a fringilla nunc. Mauris lorem nunc, cursus sit amet enim ac, vehicula vestibulum mi. Mauris viverra nisl vel enim faucibus porta. Praesent sit amet ornare diam, non finibus nulla.

MLA

Cras efficitur magna et sapien varius, luctus ullamcorper dolor convallis. Orci varius natoque penatibus et magnis dis parturient montes, nascetur ridiculus mus. Fusce sit amet justo ut erat laoreet congue sed a ante.

CHICAGO

Phasellus ornare in augue eu imperdiet. Donec malesuada sapien ante, at vehicula orci tempor molestie. Proin vitae urna elit. Pellentesque vitae nisi et diam euismod malesuada aliquet non erat.

WIKIPEDIA

Nunc fringilla dolor ut dictum placerat. Proin ac neque rutrum, consectetur ligula id, laoreet ligula. Nulla lorem massa, consectetur vitae consequat in, lobortis at dolor. Nunc sed leo odio.